Baleado, jovem pede socorro em escola e morre em quadra de esportes

BATANEWS/CAMPO GRANDE NEWS


Vítima morreu na quadra de esportes da escola. (Foto: Diário Corumbaense)

Depois de ser baleado no meio da rua, Luciano Jorge Rondon Fernandes, de 25 anos, acabou morrendo ao ir pedir socorro dentro da Escola Estadual Dom Bosco, em Corumbá, a 419 quilômetros da Capital, no final da tarde desta sexta-feira (22).

Antes de morrer, Luciano conseguiu dizer à testemunhas que foi baleado por um homem conhecido como 'Choquinho', que passou atirando em uma motocicleta. Entretanto, o atirador ainda não foi localizado. O crime ocorreu por volta das 17h25. Conforme a Sed (Secretaria Estadual de Educação), a vítima não era estudante na escola.

'O fato aconteceu no momento da abertura dos portões para encerramento das atividades da unidade de ensino. O rapaz foi baleado entrou no ambiente da escola para pedir socorro, já agonizando, mas acabou não resistindo aos ferimentos', informou a secretaria ao site Diário Corumbaense.

Ainda conforme a SED, na sequência o gestor da escola acionou o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Foram feitos os procedimentos de reanimação, mas a vítima não reagiu e morreu ao lado da quadra de esporte da escola. O delegado plantonista da Polícia Civil, Luca Venditto Basso, confirmou ao site local que a vítima foi atingida por um disparo na região do tórax.